Em Berlim temos muitas opções de meios de transporte. É um sistema muito completo com S-Bahn, U-bahn, Tram, Metro Tram e Ônibus. É também um sistema enlouquecedor para quem não conhece a cidade e tão pouco fala alemão, meu caso!

O S-bahn e o U-bahn são trens. O S-bahn vai até outras cidades, como Potsdam. E o U-bahn roda dentro da cidade de Berlim. Já o Tram e o Metro Tram circulam em trilhos no meio da rua e eu não sei a diferença entre eles.

Em quatro dias na cidade andamos em quase todas as opções, acho que fiquei devendo só no Tram e no Metro Tram. O grande barato é que eles são totalmente integrados e dependendo do bilhete que você compra, pode andar em todos eles com um bilhete só o dia todo. Bom, né?

Como se não pudesse ficar melhor, até os pontos de ônibus têm um letreiro digital (semelhante aos que temos no metrô aqui no Brasil) com o

tempo que o seu transporte vai demorar a passar no ponto onde você está. Não é genial?

E nada de esticar o bração ou sacudir os dedinhos quando vir seu ônibus se aproximando. O motorista para sempre que tiver gente no ponto. É o cúmulo da civilidade!

O 100 é o melhor ônibus da vida. Ele te leva pelos mais conhecidos pontos turísticos de Berlim, dá pra fazer um belo city tour dentro dele e descer e subir o dia todo, economizando na caminhada e no dinheiro, já que comprando o passe diário você pode pegar quantos meios de transporte quiser.

Ficamos num hotel bem longinho do centro. Mas o bairro é cheio de opções de transporte, bons mercados, farmácias e lojas. Na frente do hotel há uma estação de U-Bahn e no final da rua uma estação de S-bahn. Na rua lateral passam alguns ônibus também, mas acabou que só circulamos de ônibus no centrão.

A aventura fica por conta de descobrir como comprar o passe na primeira vez. Existem pontos pela cidade onde você pode comprar o ticket, mas nós compramos sempre no S, pois, era onde começava o nosso dia. Demos o maior mole por falta de “berlinidade” e pagamos bem mais caro no primeiro ticket. Como éramos cinco comprávamos passe para grupo e com um dia de validade. Existem muitas outras opções de passes, de períodos de validade e principalmente de destino e foi por isso que pagamos quase dobrado na primeira vez. Compramos um passe que valia para sair da cidade e não era o que nós queríamos.

É preciso validar o ticket antes de entrar no S. Não existe cobrador, mas resista à tentação do calote, que a multa é bem salgada se você for pego usando o transporte sem bilhete.

A cidade possui ciclovias por todos os lados e eu quase fui atropelada algumas vezes, pois, demorei pra entender que a marcação sobre a calçada era uma ciclovia. Bicicletas tradicionais dividem espaço com os o Velotax, bicicletas que carregam passageiros,  e com as Bier Bikes. As Bier bikesum são pubs sobre rodas que servem a cerveja enquanto você pedala. O pub tem espaço para até 15 pessoas, dez pedalam e bebem, cinco só bebem.  A pergunta é: Onde faz xixi?

Sem título