Sabe aquela coceirinha, inchaço ou vermelhidão na região da vagina durante ou depois do uso do preservativo na relação sexual? Esse pode ser um sinal de alergia à camisinha. Mas, calma, esse não é motivo para abandonar o uso de maneira alguma! Apesar de não ter cura para alergias, existe outra solução: preservativo para alérgicos.

A alergia pode ser causada pelo látex (borracha de que é feito o preservativo), lubrificante ou ao uso do espermicida (para matar os espermatozoides) que contém em alguns preservativos. Camisinhas feitas de outro material ou que não possuem os componentes alérgicos são essenciais, evitando desconfortos no momento do prazer.

Preservativos de poliuretano, um tipo de plástico, são mais indicados para mulheres sensíveis. Outra alternativa é a camisinha feminina que também é feita do material. Embora seja um pouco mais cara do que a de látex e encontradas apenas em sexy shop, possui a mesma função: Prevenir DSTs (doenças sexualmente transmissíveis) e a gravidez.

#ficadica