primeira vez

Seja o beijo, o primeiro sutiã ou até a primeira menstruação, o ditado é claro: a primeira vez a gente nunca esquece. Geralmente os primeiros são marcantes na vida. Quando se trata da primeira vez do casal, torna-se ainda mais forte. Insegurança e nervosismo tendem a tomar conta do momento, mas se você tem algum ideia de como se comportar, isso pode ser diferente – e muito prazeroso.

Não existe manual de como se faz. Existe sim, uma listinha básica de coisas que você pode ‘adotar’ na hora H. E nós, que queremos muito contribuir com sua primeira vez, buscamos algumas dicas para compartilhar! Vamos lá?

A higiene
Por mais que seja óbvio, pra muita gente parece que essa mensagem ainda não entrou na cabeça das pessoas. Se você sabe que a primeira vez está pra rolar, o mínimo que tem que fazer é gastar um tempinho a mais no chuveiro e caprichar.

Depilação em dia
Depilação em dia e áreas íntimas devidamente limpas e cheirosas (na medida do possível) são super importantes! Não esqueça o toque final dos desodorantes e perfumes (sem exageros, é claro).

Recado para os homens: Muitas mulheres não gostam de desbravar florestas nessa hora. Então, por favor, mantenha seus pelos aparados.

Roupa íntima
É claro que as mulheres se preocupam com a lingerie e os homens com as calcinhas beges, mas tentem desencanar. Claro que é importante se importar com isso, mas nada adianta focar na lingerie e ficar cheia de não me toques.

Se preocupe com o básico: Calcinha ou cueca sem furos, lavadas e novas. Mulheres, apostem no pretinho básico. Homens, nada de estampas! Uma cueca preta ou branca basta.

Mordidas, arranhões, gemidos, tapinhas na medida certa
Como é a primeira vez, não se sabe ao certo a interação do casal na hora do sexo. Então, pegue leve na hora de dar tapinhas no bumbum ou ficar falando palavrões no ouvido. Tenha o mínimo de bom senso pra não deixar aquela marquinha no pescoço do outro ou em lugares que ficarão à mostra. A dica também serve pra quem gosta de morder.

Não é todo mundo que gosta de ser mordido, e existem mordidas que excitam e mordidas que machucam, então vá devagar. Assim como também existe uma grande diferença entre gemer e gritar.

Deixe de frescuras
Quem vai pra chuva é pra se molhar. Se vocês já estão sem roupa e com tudo pegando fogo, não é hora de se preocupar com celulites, gordurinhas ou ‘tamanhos’.

Atitude
O que vale é a atitude, a capacidade de utilizar seus pontos fortes e de não medir esforços pra proporcionar prazer ao outro. O mais importante é a espontaneidade.

Preliminares
Nada mais gostoso do que aproveitar o momento. A primeira vez não deve ser uma rapidinha e sim algo que demore bastante, especialmente as preliminares. Além de excitarem mais, elas contribuem para que ambos terminem com um sorriso de orelha à orelha. Beijar, olhar nos olhos, falar ao ouvido são essenciais.

Deusa do Sexo
Ser uma deusa do sexo leva tempo. Só praticando é que se aprende. Enquanto isso, abuse e use daquilo que você sabe fazer melhor, seja uma massagem, um beijo diferente, um sexo oral feito com vontade. Mostre pra ele que você está afim, desse jeito ele nunca vai esquecer.

Possíveis “erros”
1. Acidentes acontecem. Ele pode broxar, gases podem ser eliminados, tombos podem acontecer. Mas não se preocupe. O ideal é encarar numa boa, sem levar nada para o lado pessoal.

2. Caso você esteja menstruada, não precisa cancelar a noite. Muitos homens não ligam pra isso, e dizem que é bem mais prazeroso. Mas claro que tem que rolar uma perguntinha antes pro cara não ser pego de surpresa. Pode ser que ele se importe.

3. Não vire para o lado e durma enquanto o outro não teve o mesmo prazer que você. Se esforce para dar prazer e se preocupe menos em receber.

4. A conta do motel? Geralmente quem convida é quem paga, mas isso vai depender do grau de intimidade entre vocês. Se a noite foi boa, porque não dividir a conta já que o prazer foi ‘dobrado’?

E então, o que acharam das dicas? Estão mais tranquilas e confiantes? Esperamos que sim! E esperamos também que seja inesquecível! Boa sorte!

 

Fonte